sexta-feira, 14 de dezembro de 2007

"A Música em Pessoa" (Brasil)



Lançado pela primeira vez em 1985, data em que se comemorou os cinquenta anos de morte de Fernando Pessoa, "A Música em Pessoa" é um exemplo de casamento perfeito entre a poesia portuguesa e a canção brasileira.

São 15 poemas, musicados por alguns dos principais compositores brasileiros: Antonio Carlos Jobim, Francis Hime, Edu Lobo, Milton Nascimento, Sueli Costa, Arrigo Barnabé, Dori Caymmi, entre outros. Se Fernando é português na poesia, "A Música em Pessoa" é brasileira na canção.

Produzido por Elisa Byington e Olivia Hime, "A Música em Pessoa traz, em sua nova edição, remixada e remasterizada, um bônus especial: a inédita versão de Tom Jobim para "Autopsicografia" ('dos versos o poeta é um fingidor finge tão completamente que chega a fingir que é dor a dor que deveras sente'), cantada pelo próprio Tom.



A canção havia ficado de fora da edição original por um argumento simples: na euforia de musicar poemas de Pessoa, Tom excedera a encomenda fazendo três canções para o disco. "Autopsicografia" acabou ficando num baú virtual por 17 anos (mais ou menos como a obra de Pessoa, só revelada em toda sua grandeza depois da morte do poeta, em 1935).

Tom interpreta ainda suas versões para "O Rio da Minha Aldeia" e "Cavaleiro Monge"; Marco Nanini relê "Passagem das horas", com música de Francis Hime; Francis e Olivia Hime cantam "Glosa"; Marília Pêra sustenta "O menino da sua mãe", ambas com melodia de Francis; Nana Caymmi potencializa "Segue o teu destino", musicada por Sueli Costa; Ritchie revela um aspecto britânico de Pessoa em "Meantime"; Jô Soares incorpora Álvaro de Campos em "Cruzou por mim, veio ter comigo em uma rua da baixa".



A intenção das produtoras de "A Música em Pessoa" foi incluir os quatro heterônimos mais famosos do poeta: Alberto Caeiro, Álvaro de Campos, Ricardo Reis e Bernardo Soares, além de poemas assinados por Fernando Pessoa - ele mesmo.

O álbum foi recentemente reeditado pela etiqueta brasileira 'Biscoito Fino', podendo ser encomendado (e ouvido) na sua página na Internet

Fonte: Biscoito Fino

1 comentário:

Blogger disse...

http://poeiraecantos.blogspot.com/2008/01/mensagem-fernando-pessoa-vrios-artistas.html