quarta-feira, 26 de dezembro de 2007

Capitão Jorge Vicente e a Saga de Richard Sharpe (Reino Unido)

Bernard Cornwell (Londres, 23 de fevereiro de 1944) é um dos mais importantes escritores britânicos da atualidade. Já publicou mais de 40 livros e teve obras traduzidas para mais de 16 idiomas.

A sua "saga" mais extensa, "As Aventuras de Sharpe", é formada por 21 livros, retratndo as aventuras de Richard Sharpe no exército inglês durante o período Napoleônico, desde o seu início como recruta, em "O Tigre de Sharpe", até se tornar tenente-coronel em "Sharpe's Waterloo".

O Capitão Jorge Vicente é um oficial português que é apresentando em dois romances de Bernard Cornwell.

Em "Sharpe's Havoc", publicado em 2003, Jorge Vicente é um tenente da Linha de Infantaria, que colabora na libertação do Porto, enquanto que em "Sharpe's Escape" (2004), que aborda a Batalha do Buçaco, já é Capitão.

Nascido em Coimbra, Jorge Vicente estudara direito na Universidade do Porto. Ao longo de todo o livro, Jorge Vicente e Sharpe entram em conflito devido ao idealismo do português e do seu desejo de manter as "regras da guerra". Acabam, no entanto, por desenvolver uma relação de mútuo respeito.

A campanha de Portugal é abordada em outros livros da saga, como por exemplo "Sharpe's Gold" (destruição de Almeida), "Sharpe's Skirmish" (defesa de Tormes) e "Sharpe's Enemy".

Photobucket

Fonte: Wikipedia e http://bernardcornwell.net

Sem comentários: